Sobre Nós

O Agrupamento de Escolas de Salvaterra de Magos (AESM) foi criado por Despacho da tutela no ano de 2008, aglutinando o Agrupamento já existente com a Escola Básica e Secundária de Salvaterra de Magos. O AESM reúne todos os níveis de ensino, desde o pré-escolar ao ensino secundário, com uma oferta educativa diversificada, quer no que respeita a cursos do ensino secundário de caráter geral quer profissionais. As ofertas educativas do AESM, passam ainda pelos cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA) que dão resposta às necessidades de formação de um elevado número de pessoas da comunidade, quer pelas exigências do mercado de trabalho, bem como por motivos relacionados com a valorização pessoal.

Apostamos na promoção dos valores da cidadania e da solidariedade, do trabalho e da responsabilidade, da inclusão e da partilha, porque queremos ter impacto na vida dos nossos alunos.

O AESM tem por missão prestar um serviço público de educação de qualidade, contribuindo para a formação de cidadãos críticos e conscientes dos seus deveres e direitos, com competências e saberes orientados para a resolução dos desafios do século XXI, no respeito e cumprimento dos valores humanistas, culturais, sociais e ambientais

Ser uma Escola comprometida e reconhecida, pela qualidade do serviço educativo prestado, pelo sucesso académico e profissional dos seus alunos, pela excelência do seu ambiente interno e relações externas e pelo grau de satisfação das famílias.

O AESM exerce a sua ação alicerçar-se nos seguintes valores:

Equidade

Melhorar a eficiência do serviço prestado, da oferta educativa e do sucesso escolar.

Cidadania e participação

Promover o desenvolvimento integral dos alunos, no sentido de se tornarem cidadãos respeitadores da diversidade humana e cultural e atuar de acordo com os princípios dos direitos humanos. Fomentar nos alunos comportamentos de solidariedade e sustentabilidade ecológica, tornando-os interventivos, autónomos e empreendedores.

Excelência e exigência

Garantir a igualdade de oportunidades.

Responsabilidade e integridade

Respeitar-se a si mesmo e aos outros, saber agir eticamente e ser consciente da obrigação de responder pelas próprias ações.

Inovação

Melhoria das metodologias de ensino, da qualidade das aprendizagens e do desenvolvimento profissional.

Liberdade

Manifestar a autonomia pessoal centrada nos direitos humanos, na democracia, na cidadania, na equidade, no respeito mútuo, na livre escolha e no bem comum.

Notícias

Destaques

Devolução dos Manuais Escolares 2023-2024

Nota Informativa sobre devolução de manuais escolares 2023/2024

Ler mais

Projeto Muros com Vida

No âmbito do Programa Eco Escolas os alunos das turmas do 6ºano do Agrupamento de Escolas de Salvaterra de Magos desenvolveram a ideia de contribuir com mensagens ecológicas e de cidadania para toda a comunidade escolar, recorrendo à arte.

Ler mais

Reunião do Conselho Consultivo do AESM

No dia 12 de junho realizou-se a reunião do Conselho Consultivo do Agrupamento de Escolas de Salvaterra de Magos para avaliar o desempenho do ensino profissional, propor eventuais ações de melhoria.

Ler mais

Acessos diretos

GIAE

Plataforma

Moodle

Plataforma educacional

Office 365

Comunicação interna

FAQs Perguntas frequentes

Computadores da Escola Digital

Tipo 1 – 1º Ciclo: Processador Intel Celeron; 4GB de memória RAM: 64GB disco Tipo 2 – 2º e 3º Ciclos: Processador Intel i3, 4GB de memória RAM; 128GB disco SSD Tipo 3 – Secundário: Processador Intel i3, 8GB de memória RAM, 256GB disco SSD

Não, contudo, deverá garantir que o aluno tem acesso a computador para o uso escolar. Isto incluí a eventual utilização em sala de aula, pelo que deverá ter um equipamento que permita ser transportado para escola caso seja requisitado.

Basta enviar um e-mail para o escola.digital@ae-salvaterra.pt, com os dados do aluno (Nome, Turma, NIF) e a indicação da recusa do equipamento. Poderá acrescentar igualmente o motivo pelo qual não pretende receber o kit. Tenha em atenção que com esta recusa assume que o aluno detem equipamento informático próprio que possa usar para a Escola, quer em sala de aula (devendo trazê-lo para a escola sempre que lhe seja pedido), quer em casa.

A recusa não desaparece com a mudança de escola, mantendo-se registada na plataforma até que seja anulada. Como tal deve informar a escola pelo e-mail escola.digital@ae-salvaterra.pt de que pretende receber o kit e anular a recusa.

Esta decisão é da responsabilidade dos encarregados de educação/alunos maiores/docentes.

Apenas se for maior de idade, caso no qual é o próprio aluno que assina o auto de entrega e recolhe o computador. Caso contrário, terá de ser o Encarregado de Educação ou uma pessoa maior de idade a levantar o equipamento. No caso de não ser o Encarregado de Educação a levantar o kit, deverá preencher uma declaração que ateste a autorização para uma terceira pessoa proceder à recolha do kit e assinatura do auto de entrega.

O computador está protegido contra um eventual furto, através do sistema CUCo, que permite o bloqueio remoto do dispositivo. Neste caso, o sistema foi ativado devido a uma atualização do antivírus do computador. Isto é facilmente resolvido, seguindo estes passos: Cuco_print (inforlandia.com). Para uma solução definitiva, é necessário levar o computador à Sala de Apoio Informático, para que seja instalado o ficheiro que resolve este erro.

A APN é o nome do ponto de acesso (em inglês, Access Point Name), ou seja, a “porta” que permite que uma rede móvel aceda à internet. Para resolver este problema deverá entrar nas definições do computador e selecionar “Rede e Internet”. Do lado esquerdo, vão aparecer várias opções. Aqui deve de selecionar “Telemóvel”. De seguida, deve selecionar “Opções avançadas”. No submenu “Definições de APN”, selecione “Adicionar um APN”. Normalmente este problema é mais comum com cartões da Vodafone, pelo que se o cartão é desta rede deve inserir os seguintes dados. Perfil: Vodafone APN: ensino.vodafone.pt Selecione “Aplicar este perfil” e guarde. Reinicie o computador e estará pronto a utilizar. Se mesmo assim continuar com dificuldades em aceder à internet, dirija-se com o equipamento à Sala de Apoio Informático.

A resolução deste problema é semelhante à do ponto anterior, contudo a forma de alterar a APN é diferente. Com o computador ligado ao hotspot por Wi-Fi, entre no browser (Edge, Chrome, etc) e aceda a "mobile.router" ou "192.168.1.1". Selecione o separador "Configurações", pintado a lilás/roxo. Nos campos utilizador e senha coloque "admin". De seguida, altere o campo "Lista APN" para "APN 1". Abaixo, no campo APN coloque "ensino.vodafone.pt". Faça guardar no fundo da página. Aguarde alguns segundos e já poderá aceder à internet.

Se qualquer um dos equipamentos (hotspot ou portátil) que foram entregues for roubado, deve dirigir-se ao posto da GNR/PSP mais próximo e participar o roubo. Deve depois dar conhecimento do que aconteceu à Escola, entregando uma cópia do Auto para que se possa reportar ao fabricante e proceder ao bloqueio remoto do equipamento.

Não. Todos os dados que ocorram por má utilização, mesmo que acidentais, não estão cobertos pela garantia. Desta forma, os valores decorrentes da reparação são da inteira responsabilidade do Encarregado de Educação. Deve entregar o computador na Sala de Apoio Informático para que se inicie o processo de reparação junto do fabricante.

Não, todas reparações têm de ser feitas no fornecedor do computador. Como tal, o computador danificado deverá ser levado à escola para que seja dado início ao processo de reparação junto das entidades responsáveis.

Verifique se não carregou inadvertidamente na tecla de desativação do rato (trackpad) no FN+Esc. Caso o problema se mantenha, dirija-se à Sala de Apoio Informático.

Todos os danos que aconteçam durante o período de empréstimo são da responsabilidade do aluno/Encarregado de Educação. No caso de ter sido outro aluno, cuja identidade é conhecida e a situação é comprovada por outros alunos/professores, deverá ser feita uma participação junto da direção para que se possa apurar responsabilidades. Contudo, isto não garante que o valor da reparação seja afeto ao aluno responsável, caso não se recolham provas suficientes da responsabilidade.

Não. No Auto de Entrega assinado, o ponto 4 diz “A instalação ou cópia de programas ou aplicações informáticas (software) no equipamento informático é expressamente proibida, salvo tratando-se de instalação ou cópia de software exclusivamente para fins do processo de ensino e aprendizagem e desde que previamente fornecido e/ou autorizado pelo Ministério da Educação e/ou pelo/a Diretor/a do AE/ENA”. O mesmo se aplica quanto à instalação de outros sistemas operativos (incluindo a reposição da imagem de fábrica sem autorização) e/ou a alteração dos perfis de acesso configurados pela escola. A deteção de que foi instalado outro software, que os perfis de utilização e/ou sistema operativo do computador foi alterado (ex. reposição de imagem) pode levar à perda do acesso ao kit, devido ao incumprimento dos termos do auto de entrega.

Não. O computador é para uso escolar até que o tenha de entregar, ficando à sua responsabilidade qualquer dano que ocorra durante o empréstimo, mas é propriedade do Ministério da Educação, que os distribuiu a todas as escolas do país, para que fossem emprestados aos alunos.

Não. Todos os meses tem um pacote de 12 GB para navegar responsavelmente na internet. Se ultrapassar esse limite, a velocidade de acesso à internet diminui consideravelmente, mas não fica sem acesso à internet. Neste caso, para voltar a ter a velocidade máxima de acesso terá de carregar o cartão com 5€ para ter mais 2 GB à velocidade máxima.

Os kits são devolvidos no final do ciclo de estudos em que o aluno está atualmente, com exceção do 2.º ciclo. Ou seja, têm de ser entregues à Escola no final do 4.º, 9.º ou 12.º ano.

Neste caso, não. Assim que tratar da transferência para outro agrupamento, deve entregar o Kit na nossa escola. Assim que chegar à nova escola ser-lhe-à entregue um novo Kit.

Deverá garantir que o mesmo não tem qualquer ficheiro criado pelo aluno. Faça cópia para a 'cloud' ou para uma pen de todos os ficheiros que o aluno possa vir a precisar no futuro e/ou pretenda guardar. Apague todos os ficheiros. Certifique-se que o computador está devidamente limpo externamente e não apresenta sujidade. Confira o funcionamento do carregador, hotspot e carregador do hotspot. Deve de entregar todas as caixas conforme foram fornecidas. É obrigatória a entrega de todos os equipamentos fornecidos, incluindo carregadores. Caso algum dos equipamentos não esteja em condições de ser reutilizado, será encaminhado para o fabricante para arranjo, ficando o Encarregado de Educação encarregue de quaisquer custos inerentes à reparação. Só com um kit em estado de reutilização é que se poderá emitir o comprovativo de devolução que permite a atribuição de um novo computador noutra escola e/ou noutro ciclo de ensino.
 

Contactos do Agrupamento

Moradas

AE Salvaterra

Rua do Parque

2120-092 Salvaterra de Magos

secretaria@ae-salvaterra.pt

263 500 310
chamada rede fixa nacional

Centro Escolar Salvaterra Magos

Rua 1.º de Maio

2120-192 Salvaterra de Magos

secretaria@ae-salvaterra.pt

263 509 310
chamada rede fixa nacional

Centro Escolar Foros e Várzea Fresca

Travessa da Pedreira, 2

2120-216 Foros de Salvaterra

secretaria@ae-salvaterra.pt

263 509 010
chamada rede fixa nacional